Por Job Content
Em 17/07/2018

O co-fundador da Resultados Digitais, André Siqueira, bateu um papo com o nosso CEO, Jean Paulo, sobre Inbound Marketing, RD e muito mais. Acompanhe!

O CEO da Job Content, Jean Paulo de Oliveira, participou do RD On The Road – maior evento itinerante de Marketing Digital e Vendas da América Latina – no mês de julho, em São Paulo (SP). Na oportunidade, André Siqueira, co-fundador da Resultados Digitais – maior nome da automação de marketing digital da América Latina – concedeu uma entrevista exclusiva ao Jean Paulo.

Continue lendo e veja o que rolou neste bate-papo de muito aprendizado e de troca de informações entre os dois profissionais da Job Content e Resultados Digitais.

Conheça um pouco da trajetória pessoal de André Siqueira e saiba qual o seu papel na fundação da Resultados Digitais:

Natural do interior de São Paulo, André Siqueira chegou à Florianópolis há pouco mais de 10 anos. Logo após desembarcar na capital catarinense para estudar, o futuro co-fundador da Resultados Digitais começou a trabalhar com vendas corporativas para outras empresas. Essa foi a oportunidade para conhecer mais sobre o setor de tecnologia da cidade e vivenciar o processo de vendas B2B.

Logo após, começou a trabalhar no setor de marketing digital de uma empresa. Ali, antes de fundar aquela que se tornaria o maior nome da automação de marketing digital da América Latina, André conheceu o Inbound Marketing. Com os quatro demais futuros fundadores da Resultados Digitais, trabalhou e teve a sensibilidade em notar o potencial que a ferramenta poderia oferecer ao Brasil inteiro.

Atualmente, André Siqueira é um dos feras no comando da Resultados Digitais, criadora do RD Station, software de automação de marketing. Possui um vasto histórico de palestras, entrevistas e artigos em veículos relevantes como Exame e Webinsider.

Qual foi o “grande problema” enfrentado pelas empresas, e que motivou o nascimento da RD?

Na época, de acordo com André, as empresas trabalhavam apenas com o processo de Outbound Marketing, baseado em muitas ligações telefônicas e outras formas tradicionais de abordagem de possíveis clientes. Como ele mesmo relata, esse foi um dos motivos pelos quais resolveu mudar a forma de vender.

“Comecei a me incomodar com isso, de saber que era inefetivo, de que não estava funcionando e que mesmo assim tínhamos de ficar o dia todo fazendo ligações e recebendo vários ‘nãos'”.

André começou a se perguntar como poderia mudar e facilitar o processo de vendas. Foi então que ele começou a trabalhar no setor de marketing digital de outra empresa e, em seguida, tornou-se co-fundador da Resultados Digitais.

“Nós vimos que o país tinha potencial e muitas empresas queriam fazer Inbound. Mas, não havia metodologia e nem tecnologia para isso. Foi aí que decidimos criar a RD”, revela André.

A Resultados Digitais se estabeleceu no mercado, sendo um contraponto aos meios de marketing tradicional, promovendo uma verdadeira revolução no formato de consumo de “propaganda” pelo consumidor. Como a RD avalia esta percepção do mercado e qual é a perspectiva deste cenário para os próximos anos?

De acordo com André, já são mais de 15 mil empresas que utilizam alguma ferramenta de automação de marketing no Brasil. No entanto, é um mercado que pode ser muito mais explorado. Se avaliarmos que são em torno de 16 milhões de empresas que existem no país, há um longo caminho pela frente.

André conta que os eventos estão colaborando para mudar este cenário.

“Temos muitas empresas no Brasil que ainda não conhecem o potencial do Inbound Marketing. O sucesso que temos em eventos como o RD On The Road, vem muito das empresas e dos profissionais estarem procurando conhecer mais sobre o assunto e abraçando o conceito”.

Como os veículos de mídia tradicionais (TV, Rádio, Jornais impressos) veem o trabalho que foi implantado pela RD nos últimos anos?

“Sendo bem honesto, acho que nós passamos de certa forma ‘batidos’ no radar deles. A maioria não está muito ciente e não consegue entender este movimento, especialmente porque se baseiam muito na venda para grandes empresas”, relata André. Como explica, o processo na RD é diferente, pois trabalham com empresas de vários tamanhos.

O co-fundador da RD lembra que não considera o Inbound Marketing como a única ferramenta que pode dar certo para uma empresa. Fala que não existe o, “é o inbound ou nada”, mas que as coisas devem se complementar. Inclusive, já existem algumas emissoras de TV e outros veículos tradicionais que procuram a RD para trocar informações.

“Por que não, uma empresa grande de carnes informar na sua campanha que está com um portal na internet e que lá tem um vídeo ensinando a fazer churrasco?”, questiona.

André fala que as ferramentas podem “conversar”.

Quais são os fatores mais marcantes do novo perfil do consumidor?

Do mesmo modo que outros especialistas abordam essa questão, André Siqueira fala que o acesso à informação é o principal fator do novo consumidor. Se antes ele tinha que confiar plenamente no vendedor para efetuar uma compra ou buscar outros meios, atualmente ele tem informações em abundância, como os criadores de conteúdo. “Imagine você há 15 anos, querendo comprar um carro. Você via a propaganda no jogo de futebol no final de semana e só conseguia mais informações na segunda-feira, quando ia à uma agência. Hoje você vê as informações na hora”, explica. Ele completa falando que o cliente aprende muito mais sozinho e usa a internet para isso.

A transformação digital é o futuro das empresas, independente do segmento?

Como André Siqueira fala, é muito difícil pensar em um segmento que não vá ser afetado de uma forma ou de outra. “Você está o tempo todo sujeito à disrupção de quem pensa com a cabeça do digital. Pega, por exemplo, o táxi. Era uma coisa completamente analógica até que alguém com o pensamento digital lançou uma ferramenta que mudou uma indústria tradicional. Temos o Airbnb também fazendo isso na área de hospedagem”, comenta.

André confirma sua opinião dizendo que todos os setores estão sujeitos às transformações digitais. Segundo ele, isso não significa que a empresa vai “quebrar” no primeiro momento, mas pode aparecer algo que esteja muito mais adaptado a esse contexto digital. Com o tempo, quem não mudar, aí sim, pode ter de fechar o seu negócio.

Qual vai ser o diferencial fundamental das empresas para se manter no mercado, com vendas escaláveis, nos anos que virão?

André fala da “informação” como um dos principais diferenciais de uma empresa que queira se manter forte no mercado. Lembra que as estratégias e diferenciais variam bastante de um negócio para o outro, porém, ser um provedor de informações relevantes é um diferencial para todos. Além disso, cumprir as promessas ao cliente é uma mensagem que vai ser repassada para outras pessoas.

Quando a Resultados Digitais iniciou no mercado enfrentou alguns desafios para implementar a nova ideia em empresas e outros clientes. Hoje, provavelmente os desafios são outros, quais são eles?

“Honestamente, acho que ainda vivemos muito do mesmo desafio. Tem muito do ‘educar’, mostrar o potencial, mostrar como fazer”, revela André Siqueira. O que está ajudando atualmente, segundo ele, é de que há um movimento e tem mais gente fazendo isso.

Por outro lado, como revela, a ambição em alcançar muito mais pessoas e empresas vem aumentando. Esse é o outro desafio para quem trabalha com Inbound, além de querer fazer sempre bem feito e melhor.

Para finalizar: de forma resumida, quais são os grande benefícios que as empresas e profissionais podem obter com a utilização da automação de marketing?

Para o co-fundador da RD, a automação é um aspecto que traz mais produtividade, uma taxa maior de vendas e a possibilidade de trabalhar o conteúdo de forma bem mais segmentada. “Mas, fazer automação demanda vários outros processos. Demanda que você faça um conteúdo de qualidade e tenha uma rede. A partir daí, os benefícios serão maiores”.

Ele encerra falando que se a empresa consegue alcançar essa posição de autoridade, ela facilita o processo de compra, diminui os custos associados a vendedores e atendimento, cria regras de automação e não precisa investir constantemente. Ao atingir o próprio ativo com os seus conteúdos, a empresa cria um fluxo muito interessante.

Então, o que achou da entrevista deste fera do Inbound Marketing? O cara manda muito bem, não é? Continue acompanhando os conteúdos do blog e fique por dentro das novidades do marketing digital.

Diante de diversas mudanças, o que a sua empresa tem feito para vender mais?

Confira um passo a passo de como aumentar as vendas!

Qual a área de atuação do seu negócio?

Qual o seu cargo?

Funcionários: